Características

Agora que já conhecemos os conceitos de jornalismo digital vamos no aprofundar em suas especificidades, o que caracteriza os webjornais.

Confira trecho da entrevista realizada por Raul Altran, Jamile Bittar e Juliana Messina com o professor Sebastião Squirra – Pós graduação UMESP.

Interatividade: A interatividade possibilita uma quebra nos padrões clássicos da comunicação, a linha rígida entre receptor, mensagem e emissor deixa de existir, e cada qual pode assumir mais do que uma posição interagindo entre si. A mobilidade dentro da teoria da comunicação confere maior “poder” aos leitores que podem participar da construção jornalística desde a sugestão de pauta até comentários e debates após o produto final ser publicado. Responsável pela conquista dos leitores, à interatividade permite que o público esteja cada vez mais próximo do conteúdo, identificando-se e aproximando-se da informação. As possibilidades exploradas pela interatividade no jornalismo digital ultrapassam a relação jornal/ leitor, e chega aos textos, novas formas de edição que utilizam link e hipertextos permitem que os textos conversem entre si e que o leitor tenha acesso a um acervo de arquivos sobre determinado assunto, não respeitando necessariamente a ordem cronológica.

 Multimidialidade: Qual é o seu meio favorito para acessar informação? Televisão, rádio, ou material impresso? Pois bem, seja qual for a Internet irá disponibilizar para você. A multimidialidade presente nesse novo suporte possibilita que materiais de diferentes formatos – para não dizer de todos os formatos – sejam publicados. Além de disponibilizar uma variedade de arquivos sua memória é praticamente ilimitada e seus arquivos podem ser acessados pelo leitor conforme sua necessidade e interesse, sem importar a data em que foram postados. A multimidialidade tornou o jornalismo digital um concorrente forte, pois cobre qualquer lacuna que possa ser deixada por outra plataforma, e por que corresponde a necessidade do público de conseguir informação em diferentes formatos em um só lugar. Como consequência muitos dos jornais veiculados em outras mídias tem aberto em paralelo seu espaço na Internet.

 Imediatismo: A característica mais marcante do rádio não é mais exclusiva, o imediatismo que conquistou o ouvinte e tornou o rádio um veículo de massa trabalha da mesma maneira na Internet. O suporte do jornalismo digital permite que cobertura de notícias sejam acompanhadas em tempo real, e estas dentro de um mundo inteiramente conectado podem ser disponibilizadas de qualquer lugar a qualquer horário, diminuindo assim o tempo entre o acontecimento e a notícia.

 Edição: Uma das grandes vantagens do jornalismo veiculado via digital é sua edição, além dos recursos utilizados por outros suportes, infográficos, recursos de áudio e vídeo, e etc, a Internet conta com artifícios como “links” e “hipertextos” que permitem o leitor acessar um conjunto de informação sobre o tema de determinada notícia, este pode acessar a todos os materiais publicados em uma suíte, por exemplo.

Poder ter acesso aos textos que quer e necessita faz do leitor seu próprio editor, este não necessita seguir a linearidade dos fatos, apenas os seus interesses o que acaba por aproximá-lo do jornalismo digital, mas vale lembrar que esse recurso não é necessariamente utilizado. Os materiais veiculados na internet podem utilizar de links e hipertextos assim como podem deixar de usá-los.

Confira trecho da entrevista realizada pelas alunas Juliana Martinelli, Juliana Nogerino e Julia Piraino com o jornalista Walter Teixeira Lima Jr.

Segundo o site Cultura.ufpa os links teriam surgido a partir de uma idéia do filósofo e professor da Universidade de Oxford Theodor Holm Nelson, este propôs em 1963 que a leitura deveria ser uma experiência não linear, onde o leitor teria acesso a textos conforme sua necessidade. Dessa forma os links surgem como botões da web, ao clicar em um o leitor tem acesso a outro texto – chamado hipertexto – referente ao tema em que estava “linkado”.

Custo: Interatividade, multimidialidade, imediatismo e edição diferenciada, considerando as muitas vantagens que a Internet traz para o jornalismo não é estranho pensar que o custo de sua produção seja o mais elevado, no entanto a produção jornalística digital se caracteriza como a de menor custo dentre as mídias convencionais. Os jornais digitais apresentam uma maior interatividade, dessa forma os custos com produção, distribuição e venda são reduzidos. As notícias também podem ser atualizadas diversas vezes no decorrer do dia, dessa forma, o conteúdo nunca se torna antigo.

Público Alvo: Adultos, idosos, adolescentes. Sejam nativos da era da internet, ou não, a busca pela informação atinge um público completamente heterogêneo. Um usuário navega pela internet para descobrir as últimas notícias do dia, pagar contas, agendar atividades para o fim de semana. Em cada um desses momentos, ele acessa informações na web com um objetivo diferente e quer consequentemente encontrar uma linguagem adequada apara aquela ocasião.

 

GRUPO 5 – MATUTINO

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s