Juca Kfouri

José Carlos Amaral Kfouri, conhecido como Juca Kfouri nascido dia 4 de março de 1950 na cidade de São Paulo, e é um dos mais bem conceituados jornalistas esportivos do país.

 

Seu primeiro emprego foi na Editora Abril, onde trabalhou, em 1970, no Departamento de Documentação. Já em 1974, foi convidado pela Revista Placar, para trabalhar como chefe de reportagem e aceitou prontamente. Permaneceu no cargo até o ano de1978, e foi para a antiga TV Tupi, onde trabalhou somente três meses e, em razão dos atrasos nos salários, pediu demissão. Quase que imediatamente foi convidado para se tornar editor de projetos especiais da Editora Abril. Ele ocupou também o cargo de diretor de redação da Revista Placar (revista pertencente à Editora Abril).

 

Em 1982, ficou muito conhecido por participar da publicação de uma famosa matéria denunciava a “Máfia da Loteria Esportiva”, na qual, jogadores eram coagidos a manipular os resultados dos jogos, favorecendo os apostadores interessados. Tal matéria quase ganhou o “Prêmio Esso” de jornalismo daquele ano, entretanto não foram somente frutos que foram colhidos com essa famosa reportagem, Juca chegou a ser ameaçado com telefonemas anônimos. O jornalista sempre foi fascinado pelo trabalho investigativo e essa característica inovou o jornalismo esportivo, pois poucas vezes, na história da imprensa esportiva brasileira, houve investigação no esporte. Juca deixou a diretoria da Revista Placar e a Editora Abril no ano de 1995, por discordar de políticas da empresa e por ter sido proibido de fazer denúncias contra Eduardo José Farah e Ricardo Teireixa, pois a empresa, aparentemente, precisaria do apoio dos cartolas.

 

Na televisão, Juca teve uma rapida passagem como diretor de esportes da TV Tupi em 1978, Em 1982 foi comentarista da Record até 1984, quando foi trabalhar no SBT, onde ficou até 1987. De1988 a 1994 trabalho na Rede Globo. Fez parte do programa “Cartão Verde”, da Rede Cultura, em companhia de Flavio Prado, José Trajano e Armando Nogueira, de 1995 e 2000. Foi contratado pela RedeTV para ser apresentador do programa “Bola na Rede”, onde permaneceu entre 2000 e 2003. Neste ano, voltou ao programa “Cartão Verde”, onde ficou de2003 a2005, ano no qual foi contratado pela ESPN Brasil para participar do programa “Linha de Passe”, onde ainda trabalha. Ainda na ESPN – porém, dessa vez, na internacional – iniciou um programa de entrevista, o “Juca Entrevista”, em 2007, que também está no ar até hoje.

 

Trabalhou em jornais, sendo colunista de futebol do jornal O Globo (de1989 a 1991), também foi colunista da Folha de São Paulo (de1995 a1999), quando foi para o diário Lance, onde ficou até retornar à Folha de São Paulo em 2005. Juca tem um famoso blog no portal UOL que ja ultrapassou 140 milhoes de visitas.

 

Foi comentárista esportivo em Rádio também. Inicialmente trabalhou na Rádio América. Depois, foi para a rede CBN de rádio, apenas como comentárista. Porém, em 2000, tornou-se apresentador do “CBN Esporte Clube”, onde permanece até os dias atuais.

 

Juca Kfouri, pela longa carreira, pela quantidade de veiculos que trabalhou e ainda trabalha, e principalmente pela contribuição que deu a jornalismo esportivo e ao esporte em si, podemos considerá-lo, sem dúvida alguma, um jornalista que fez história.

 

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s